Blogsandovalmello

domingo, 30 de julho de 2017

Carreta de produtos de limpeza é encontrada em pátio de posto de combustível de Caetés e dois suspeitos são presos

 Polícia Rodoviária Federal (PRF) prendeu, na noite do último sábado, 29/07/2017, dois homens, de 31 e 36 anos,  com um caminhão roubado, na BR 424, no pátio de um posto de combustíveis na Vila Araçá, em Caetés, proximo ao trevo de acesso para a cidade de Capoeiras, no Agreste de Pernambuco. O veículo transportava material de limpeza e havia saído da cidade de Louveira, em São Paulo, com destino a João Pessoa, na Paraíba. Agentes da PRF receberam informações de que o caminhão teria sido roubado próximo à Iati, também no Agreste, e realizaram diversas buscas até localizá-lo em um posto de combustível, às margens da rodovia. Durante a abordagem, dois homens que estavam no veículo foram presos. A carga está avaliada em R$ 387.338,00. Um dos suspeitos informou que havia sido contratado para transportar o caminhão até Arcoverde. O outro disse que estava auxiliando o motorista a manobrar o veículo. A dupla foi detida e encaminhada à delegacia de Polícia Civil de Garanhuns. A empresa foi contatada para reaver o caminhão e a mercadoria.

sexta-feira, 28 de julho de 2017

Erro de Moro pode absolver lula da condenação do triplex

Embora, em princípio, não servissem para qualquer consequência jurídica, porque o resultado de qualquer objeção da defesa de Lula a Sergio Moro é, simplesmente, ignorado, a recusa do juiz aos embargos de declaração opostos à sentença do juiz curitibano acabaram produzindo um resultado precioso para a contestação de sua sentença. É que, ao responder ao questionamento sobre as ligações entre o suposto favorecimento no suposto recebimento do imóvel, ele diz, literalmente: Este Juízo jamais afirmou, na sentença ou em lugar algum, que os valores obtidos pela Construtora OAS nos contratos com a Petrobrás foram utilizados para pagamento da vantagem indevida para o ex-Presidente. Aliás, já no curso do processo, este Juízo, ao indeferir desnecessárias perícias requeridas pela Defesa para rastrear a origem dos recursos, já havia deixado claro que não havia essa correlação (itens 198-199). Nem a corrupção, nem a lavagem, tendo por crime antecedente a corrupção, exigem ou exigiriam que os valores pagos ou ocultados fossem originários especificamente dos contratos da Petrobrás. Registre-se que, só por isso, a sentença de Moro estaria em evidente contradição, pois ele próprio escreve, no parágrafo 880 da carta condenatória: Mesmo tendo parte dos benefícios materiais sido disponibilizada posteriormente, durante o ano de 2014, tendo eles origem em créditos decorrentes de contratos da Construtora OAS celebrados em 10/12/2009, considerando aqui somente os contratos do Consórcio CONEST/RNEST, configuram vantagem indevida disponibilizada em razão do cargo de agente público federal, não só para o então Presidente, mas para os igualmente beneficiários executivos da Petrobrás. Mas vejamos o “crime antecedente” de corrupção, já que este foi – assumidamente, o julgamento por Moro, se Lula sabia ou comandava o esquema de corrupção na Petrobras? E sobre ele, Moro julgou que sim? Então porque a novela para discutir e (não) provar que o apartamento era de Lula? Apenas para encontrar uma “vantagem indevida” necessária ao ato de corrupção, que já estava julgado, embora não se tenha uma prova sequer, neste caso, de que Lula tenha articulado fraudes na Petrobras, nem mesmo a palavra do delator da OAS? Ou melhor, uma “participação” de Lula no esquema provada apenas pela palavra do delator (e réu) Léo Pinheiro, como admite Moro? A vantagem indevida, por sua vez, decorre não somente da atribuição ao Sr. Presidente da propriedade de fato do apartamento 164-A ou da realização nele de reformas personalizadas, mas sim desses fatos acompanhados da falta do pagamento do preço, ou melhor com abatimento do preço na conta geral de propinas mantida com o Grupo OAS, conforme explicitado na parte conclusiva do tópico II.17. A responsabilidade de Lula, então, foi a de nomear diretores, funcionários de carreira, da empresa, que se meteriam em falcatruas, porque é isso a “culpa” estabelecida neste tópico? Ninguém, exceto o powerpoint de Deltan Dallagnoll, apontou responsabilidade direta de Lula nos desvios da Petrobras e a indireta, até agora, não vai além do “eu acho que ele sabia”. O resto, como a comparação com Cunha ou dizer que o fato de auditorias da Petrobrasnão terem revelado os desvios e ser essa a mesma situação de Lula é mera baixaria politiqueira do juiz, já que há uma “singela” diferença de que Lula, ao contrário deles, não tem contas ou posses milionárias, não recebeu dinheiro nem sequer o apartamento que lhe atribuem como “propriedade de fato”, uma figura que, rapidamente, é preciso inventar no direito brasileiro.

domingo, 23 de julho de 2017

Blogueiro conceituado na cidade de Garanhuns emite nota de repúdio contra o governo do estado e a organização do festival de inverno

O blogueiro Kleber cisneiros, um cidadão Garanhuns que é bem popular na cidade triste com os rumos que o festival de inverno de Garanhuns está tomando emite nota de repúdio onde fala sobre a pouca quantidade de gente prestigiando o evento esse ano, veja na íntegra a nota do blogueiro:. "Em especial ao governador Paulo Câmara, ao secretário de cultura, Marcelino Granja e a presidente da FUNDARPE, Márcia Solto, o governo do estado é o responsável financeiro e operacional do Festival de Inverno de Garanhuns (FIG), por este ato criminoso que praticaram com a Minha cidade, com a cidade onde vivo com a Minha família, com a Nossa cidade, Garanhuns. Por picuinha politica, o governo do estado mutila o FIG, este que é o maior evento de nossa cidade, Garanhuns. Talvez por medo de novamente receber uma chuva de vaias novamente, como na abertura do FIG do ano anterior, o governador Paulo Câmara não teve nem a grandeza de aqui estar presente na abertura deste ano, alegando muita chuva na estrada e no céu, pois primeiro viria de avião, quando disse não ter teto pra voar, ou posar, resolveu vim de carro, para logo em seguida dizer que não deu para sair do Recife. Seria engraçado, se não fosse trágico. A verdade é que o governador Paulo Câmara e seu grupo politico, o PSB em especial, se não dizer só o PSB, não é a toa que está para haver uma grande debandada do partido, pois é um partido que comanda o governo como que para beneficiar só meia dúzia, só sabendo desagregar, nunca agregar. É impressionante ver a arrogância com que este grupo politico comanda o nosso estado, chegando ao ponto, repito, de cometer este crime terrível para com nossa cidade, Garanhuns. É muito triste ver em plano sábado à noite, por volta da meia-noite e meia, horário este considerado de pico de público, em seu primeiro fim de semana, a Praça Mestre Dominguinhos praticamente vazia se compararmos a todos os seus 26 anos de FIG. Imagem está nunca vista antes neste grande evento. O maior e melhor festival multicultural da América Latina, sendo sabotado ano a ano, se superando neste 27º FIG, pelo governador Paulo Câmara e seus empregados. Horrível governador. Pense melhor a respeito da sua forma de fazer política. Forte abraço, Kleber Cisneiros "

quinta-feira, 20 de julho de 2017

Missa de primeiro aniversário do falecimento de José Faustino da Silva ( Zé Galego)

Não é fácil falar de um homem que tem tantas qualidades para serem lembradas. Uma qualidade que sempre o definia era a dedicação à profissão que abraçou e a família, uma pessoa que sempre buscou a paz, que gostava de ver os outros bem, gostava de estar sempre próximo às pessoas, à família, colegas, aos amigos e confortá-los sempre nos momentos difíceis. Zé galego como era conhecido possuía o dom da liderança e do carisma. Foi um dos melhores motoristas de nossa região. Homem de raciocínio rápido, que conseguia pensar sempre à frente, possuía extrema sensibilidade e com frases marcantes.  Dono de um conhecimento geral sem tamanho era respeitado, enquanto tinha a inteligência de um velho sábio. Acreditava nas pessoas, conhecia, praticava e enfatizava o poder de compartilhar a sabedoria. Gostava da política, embora nunca tenha ocupado cargo eletivo. Naquele tempo adorava estar participando ativamente na política local. Zé galego foi um homem que podemos dizer com certeza que cumpriu, com méritos, sua missão! Sempre nos contagiando com sua cultura, apesar do seu pouco estudo, mais era digno de conversar com as pessoas mais sábias e com desenvoltura batia um excelente papo com todos, ele deixou saudades, mas também deixa exemplos, lições e palavras que se eternizarão em nossos corações e por isso que o radialista, motorista, dono de casa, pai de familia não morrerá nunca, ele sempre estará presente em nossas lembranças, em nossas mentes, e nunca devemos permitir que ele morra; seu espírito e suas palavras estarão conosco… sempre.     A MISSA SERÁ REALIZADA NA MATRIZ DE SÃO CAETANO ( CAETÉS) NESTE DOMINGO 23/07/2017 AS NOVE HORAS DA MANHA, DESDE JÁ A FAMILIA AGRADECE A TODOS QUE COMPARECEREM A ESTE ATO DE FÊ É UNIÃO CRISTÃ.

segunda-feira, 17 de julho de 2017

Vem ai segundo torneio de mini campo em Caetés

Vem ai 2º Torneio de Mini Campo de Caetés , com a presença dos melhores times da região, será no dia 12 de Agosto a partir das 8 horas da manhã no Estadio Hermínio Sampaio (Campo do Cac), com os seguintes times: Vasco de Cassio, Juventus de Djalma, Real Sociedad, Time do Deli, Time do Rogério, Sport da Malhada, Zé de Bil e o Juventude da Cohab, participe deste mega Torneio.

quarta-feira, 12 de julho de 2017

Dois mortos e dois baleados em Garanhuns, vítimas são de Caetés

 Dois homens foram mortos na noite de hoje (12), na Rua Pajeú, na Cohab 3, em Garanhuns, no Agreste pernambucano. No local, um veículo Fiat vermelho com placas de Caetés, um revólver e dois corpos. Uma das vítimas foi identificado como sendo Paulo de Mocinha, aparentando ter entre 50 e 60 anos, o outro foi identificado como sendo Bruno, sobrinho de um vereador de Caetés. De acordo com as informações colhidas no local, Paulo de Mocinha e Bruno chegaram na Rua na companhia de outras três pessoas, quando foram surpreendidos. Paulo foi alvejado com tiros na cabeça e costas, já Bruno foi alvejado em várias partes do corpo, eles tentaram correr, mas caíram sem vida. Outras duas pessoas de identidades não reveladas foram baleadas e caíram na extensão da Rua. Nos bolsos de Bruno e de Paulo foram encontradas munições, já próximo aos corpos um revólver. Uma equipe do SAMU foi acionada e socorreu as vítimas com vida, e em seguida constatou a morte de Bruno e Paulo. A PM foi acionada, realizou o isolamento da área e aguardou a chegada da Polícia Civil, que realizou os procedimentos legais e encaminhou os corpos para o MIL na cidade de Caruaru, no Agreste. O delegado regional Luiz Bernando e o titular da 22°DPH João Lins estiveram no local e colheram informações sobre o ocorrido. Três pessoas foram conduzidas para depoimento.       

terça-feira, 11 de julho de 2017

Os corpos dos dois homens que ficaram debaixo dos escombros de um prédio que desmoronou no início da manhã desta segunda-feira (10), no bairro Aluísio Pinto, em Garanhuns, Agreste de Pernambuco, foram localizados no fim da tarde. O trabalho das equipes de resgate durou todo o dia, o primeiro corpo a ser encontrado foi o do funcionário público Antônio Arcoverde, de 32 anos, Antônio não conseguiu sair do prédio depois de retirar a esposa e a filha recém-nascida e voltar para buscar documentos. Durante parte do dia foram muitos os comentários que ele tivesse respondido ao chamado das equipes de resgate, aumentando a esperança que fosse encontrado com vida, o que não aconteceu. Cerca de uma hora depois foi localizado o corpo do idoso Edval Soares da Silva, de 66 anos, também haviam esperanças que ele pudesse ser resgatado com vida. Durante todo o dia foi grande a movimentação de curiosos, profissionais da Defesa Civil, Polícia Militar, Samu e Corpo de Bombeiros trabalharam incansavelmente na esperança de resgatá-los com vida. Veículos de comunicação de todo o estado estiveram em Garanhuns registrando a tragédia, após serem retirados dos escombros os corpos foram levados para o Instituto de Medicina Legal (IML) de Caruaru. Ainda pela manhã um morador do prédio que estava viajando com a família concedeu entrevista a vários meios de comunicação, ele disse que os problemas na estrutura do edifício eram diversos e que já havia passado por uma avaliação técnica que atestou não haver riscos de desamamento. As causas que levaram o prédio a cair estão sendo apuradas, a Polícia Civil já está trabalhando nas investigações, um laudo deve ser divulgado em breve. O trabalho de resgate contou também com a ajuda de dois cães farejadores vindos do Recife.

segunda-feira, 10 de julho de 2017

Prédio desaba e deixa moradores soterrados em Garanhuns

Um bloco de apartamentos desabou nas primeiras horas da manhã desta segunda-feira (10), na Rua Capitão João Paes, no bairro Aluísio Pinto em Garanhuns, Agreste de Pernambuco. As primeiras informações dão conta que duas pessoas estão soterradas, o Samu socorreu duas vítimas que são mãe e filha recém nascida. Ainda segundo informações, moradores teriam percebido que o prédio estava balançando e conseguiram sair, uma das vítimas teria voltado para pegar alguma coisa quando houve o desmoronamentoO bloco de apartamentos veio abaixo, um morador que não estava no local pois havia viajado disse que o prédio apresentava diversos problemas estruturais, emocionado José Tavares disse que “Nasceu de Novo, que o prédio havia sido vistoriado por engenheiros da prefeitura que não detectaram nenhum problema”, ele tinha ido para o estado da Bahia, as vítimas soterradas são, Antônio Arcoverde, de 32 anos, ele é funcionário da Prefeitura de Garanhuns e pai da criança resgatada , a outra vítima foi identificada como sendo um idoso identificado como, Edval Soares da Silva, 66 anos. Equipes do Corpo de Bombeiros, Samu, Polícia Militar e Defesa Civil trabalham para localizar as vítimas, eletricistas da Celpe instalaram refletores pois os trabalhos de buscas só devem quando as vítimas forem localizadas. .

quinta-feira, 6 de julho de 2017

POLÍCIA RODOVIÁRIA FEDERAL reduzirá trabalhos e as BRs ficarão com menos fiscalização

olícia Rodoviária Federal suspendeu nesta quarta-feira (5), por tempo indeterminado, as atividades de escolta de cargas superdimensionadas em rodovias federais, policiamento e resgate aéreo, além de reduzir os deslocamentos terrestres e desativar unidades operacionais. Segundo a instituição, os cortes ocorrem devido à falta de dinheiro para “aquisição de combustível, manutenção e diárias dos agentes” e foram feitos para que “impactem o mínimo possível a atividade finalística do órgão e que possam ter reversão sem prejuízos à administração quando da recomposição orçamentária”. Ainda de acordo com a nota divulgada, tarefas que sejam de competência exclusiva da PRF, enfrentamento ao crime e atendimento de emergências, deverão ser menos impactados. As unidades administrativas da corporação também terão o horário de funcionamento alterado. O atendimento ao público será feito das 9h às 13h. “Esclarecemos que a Polícia Rodoviária Federal, em conjunto com Ministério da Justiça e Segurança Pública, está em tratativas com Ministério do Planejamento, Orçamento e Gestão para que se tenha uma célere recomposição do orçamento e o consequente reestabelecimento dos serviços e normalização da atuação da instituição”, conclui. Na semana passada, a Polícia Federal já havia suspendido a emissão de novos passaportes, também por falta de dinheiro. Os dois órgãos estão submetidos ao Ministério da Justiça e Segurança Pública. Ainda nesta semana, o Congresso deverá votar a liberação de R$ 102,3 milhões para que a PF volte a emitir os documentos. O projeto de lei foi aprovado ontem na Comissão Mista de Orçamento. olícia Rodoviária Federal suspendeu nesta quarta-feira (5), por tempo indeterminado, as atividades de escolta de cargas superdimensionadas em rodovias federais, policiamento e resgate aéreo, além de reduzir os deslocamentos terrestres e desativar unidades operacionais. Segundo a instituição, os cortes ocorrem devido à falta de dinheiro para “aquisição de combustível, manutenção e diárias dos agentes” e foram feitos para que “impactem o mínimo possível a atividade finalística do órgão e que possam ter reversão sem prejuízos à administração quando da recomposição orçamentária”. Ainda de acordo com a nota divulgada, tarefas que sejam de competência exclusiva da PRF, enfrentamento ao crime e atendimento de emergências, deverão ser menos impactados. As unidades administrativas da corporação também terão o horário de funcionamento alterado. O atendimento ao público será feito das 9h às 13h. “Esclarecemos que a Polícia Rodoviária Federal, em conjunto com Ministério da Justiça e Segurança Pública, está em tratativas com Ministério do Planejamento, Orçamento e Gestão para que se tenha uma célere recomposição do orçamento e o consequente reestabelecimento dos serviços e normalização da atuação da instituição”, conclui. Na semana passada, a Polícia Federal já havia suspendido a emissão de novos passaportes, também por falta de dinheiro. Os dois órgãos estão submetidos ao Ministério da Justiça e Segurança Pública. Ainda nesta semana, o Congresso deverá votar a liberação de R$ 102,3 milhões para que a PF volte a emitir os documentos. O projeto de lei foi aprovado ontem na Comissão Mista de Orçamento.

domingo, 2 de julho de 2017

Bolsa família ficará sem reajuste em 2017

governo Michel Temer decidiu suspender o reajuste do Bolsa Família que pretendia anunciar em julho. O presidente queria conceder um aumento de 4,6% no benefício como um dos instrumentos para ganhar popularidade, mas a área econômica avaliou que, em meio à crise financeira, não há espaço no Orçamento para isso. Temer se reuniu na noite da última quinta-feira (29.06.17) com o ministro Osmar Terra (Desenvolvimento Social), que comanda a pasta responsável pelo programa. No encontro, ficou definido que não seria possível anunciar o reajuste neste momento, como planejado. O impacto do reajuste no Orçamento deste ano seria de R$ 800 milhões. Segundo assessores do presidente, a decisão sobre o aumento do benefício foi adiada, sem data para que a discussão seja retomada. O Ministério do Desenvolvimento Social já comunicou à Caixa que não haverá mudança no valor dos pagamentos. O plano original do governo era anunciar um reajuste do Bolsa Família de 4,6% –um ponto percentual acima da inflação registrada nos últimos doze meses. Em maio, o ministro Osmar Terra disse que o aumento seria oficializado em julho. Nos últimos meses, entretanto, as contas do governo pioraram, principalmente por dificuldades de arrecadação. As receitas ficaram abaixo do esperado e a equipe econômica de Temer passou a cobrar um controle maior de gastos para evitar que a meta fiscal do ano seja descumprida. Auxiliares afirmam que o presidente não havia dado sinal verde para a concessão do aumento, tratado como certo pelo Ministério do Desenvolvimento Social. Temer consultou a área econômica do governo, que atestou que o reajuste não caberia no Orçamento deste ano e criaria dificuldades também para fechar as contas de 2018.

CAETÉS- Vereador Jocelino Ferreira questiona cobrança de IPTU feita pelo governo municipal

O vereador do município de Caetés, Jocelino Ferreira (PSB), vem questionando uma cobrança que está sendo realizada pela prefeitura daqu...