Blogsandovalmello

domingo, 20 de janeiro de 2019

ASCENÇÃO” – Caminho de Jocelino Ferreira deverá ser o da disputa pela prefeitura de Caetés





Vereador por seis mandatos – contando a da sua esposa e professora Claúdia – o caminho de Jocelino Ferreira (PSB) deverá ser mesmo a disputa pelo poder executivo municipal. Líder e principal vereador da oposição caeteense, saiu bastante fortalecido da disputada estadual em 2018 ficando com a segunda colocação na votação aos deputados apoiados, atrás somente do atual prefeito.

Jocelino montou seu grupo de trabalho em 2018, enquanto o ex-candidato a prefeito Benedito e dois vereadores formavam um terceiro grupo e próprio Zé da Luz apoiou outros deputados.

O experiente legislador já se coloca como pré-candidato a prefeito para a disputa, mas, deixa claro que defende a unidade da oposição, não descarta que outros nomes entrem na disputa para o cargo majoritário e destaca que a oposição está unida para 2020 Aliado do ex-prefeito Zé da Luz, Ferreira mantém o respeito e espera por um possível apoio no futuro.


Jocelino conseguiu levar seu nome para além das fronteiras de Caetés, sendo político bastante conhecido e respeitado em vários municípios do agreste. Deverá mudar de partido na janela partidária e trabalha no aumento de seu grupo e na aquisição de novos nomes para a disputa do legislativo municipal
     Matéria do blog do http://www.wellingtonfreitas.com/2019/01/da-serie-politicos-em-ascencao-caminho.html?m=1

terça-feira, 15 de janeiro de 2019

Com decreto, pessoas acima de 25 anos podem ter até quatro armas de fogo


 A partir do decreto assinado pelo presidente Jair Bolsonaro nesta terça-feira (15), no Palácio do Planalto, cidadãos brasileiros com mais de 25 anos poderão comprar até quatro armas de fogo para guardar em casa. O texto regulamenta o registro, a posse e a comercialização de armas de fogo e munição no país, uma das principais promessas de campanha de Bolsonaro.
Citando o referendo de 2005 em que a população rejeitou a proibição do comércio de armas de fogo, Bolsonaro argumentou a necessidade do decreto.
“O povo decidiu por comprar armas e munições, e nós não podemos negar o que o povo quis naquele momento. Em toda minha andança pelo Brasil, ao longo dos últimos anos, a questão da arma sempre estava na ordem do dia. Não interessa se estava em Roraima, no Acre, Rondônia, Rio Grande do Sul, Santa Catarina ou Rio de Janeiro.”
O decreto entra em vigor após sua publicação no Diário Oficial da União e refere-se exclusivamente à posse de armas. O porte de arma de fogo, ou seja, o direito de andar com a arma na rua ou no carro não foi incluído no texto.
Critérios
Os cidadãos deverão preencher uma série de requisitos, como passar por avaliação psicológica e não ter antecedentes criminais. O que muda com o novo decreto é que não há necessidade de uma justificativa para a posse da arma. Antes esse item era avaliado e ficava a cargo de um delegado da Polícia Federal, que poderia aceitar, ou não, o argumento.
“E o grande problema que tínhamos na lei é comprovação da efetiva necessidade, isso beirava a subjetividade, então, bem costurado, o senhor ministro [da Justiça] Sergio Moro, o senhor ministro, também Fernando, da Defesa, entre outros, chegamos à conclusão de que tínhamos, sim, como não driblar, mas fazer justiça com esse dispositivo previsto na lei, de modo que o cidadão pudesse, então, sem a discricionariedade, obter, observando alguns outros critérios, a posse da sua arma de fogo”, disse Bolsonaro.
Além de militares e agentes públicos da área de segurança ativos e inativos, poderão adquirir armas de fogo os moradores de áreas rural e urbana com índices de mais de 10 homicídios por 100 mil habitantes, conforme dados do Atlas da Violência 2018, produzido pelo Instituto de Pesquisa Econômica Aplicada (Ipea) e pelo Fórum Brasileiro de Segurança Pública.
Donos e responsáveis por estabelecimentos comerciais ou industriais também poderão adquirir o armamento, assim como colecionadores de armas, atiradores e caçadores, devidamente registrados no Comando do Exército.
Limites
O limite de quatro armas poderá ser flexibilizado, caso o cidadão comprove a necessidade de adquirir mais, como, por exemplo, ser possuidor de mais de quatro propriedades rurais ou urbanas.
“Na legislação anterior, se poderia comprar meia dúzia de armas, mas na prática não poderia comprar nenhuma, ou então era muito difícil atingir esse objetivo. Com a legislação atual, pode-se comprar até quatro, e ele, preenchendo esses requisitos, cidadão de bem, com toda certeza, poderá fazer uso dessas armas”, afirmou o presidente.
De acordo com o decreto, caso na residência haja criança, adolescente ou pessoa com doença mental será necessário apresentar uma declaração de que existe um cofre ou outro local seguro com tranca para o armazenamento da arma.
Registros
O registro e a análise da documentação continuam sob responsabilidade da Polícia Federal, mas, segundo Bolsonaro, futuramente, de acordo com a demanda, poderá haver convênios com as polícias militares e civis para esse trabalho.
O prazo para a renovação do registro da arma de fogo passará de cinco anos para 10 anos. Os registros ativos, feitos antes da publicação do decreto, estão automaticamente renovados pelo mesmo período.

quarta-feira, 26 de dezembro de 2018

BOLSONARO ANUNCIA PARCERIA COM ISRAEL PARA TRAZER ÁGUA PARA O NORDESTE

 
  Jair Bolsonaro anunciou hoje no Twitter que o futuro ministro de Ciência e Tecnologia, Marcos Pontes, visitará instalações de dessalinização de água em Israel em janeiro, com o objetivo de estabelecer parcerias com o país na área e de beneficiar o Nordeste brasileiro. “Pretendemos ainda em janeiro construir instalação piloto para retirar água salobra de poço, dessalinizar, armazenar e distribuir para agricultura familiar, estendendo o projeto para mais localidades após testes e ajustes”, afirmou o presidente eleito, que passa o Natal na Ilha da Marambaia, área militar na Costa Verde do Rio de Janeiro.
Outro objetivo é testar uma tecnologia israelense que produz água a partir da umidade do ar em escolas e hospitais. “Poderemos, inclusive, negociar a instalação de fábrica no Nordeste para venda desses equipamentos nosso mercado”, adiantou Bolsoanro. “Livre das amarras ideológicas, o Brasil agora pode dar os primeiros passos para fora do buraco em que foi colocado pelos últimos governos. Seguimos fortes na missão de fazer deste país uma nação cada vez maior!” Fonte: O Antagonista

domingo, 23 de dezembro de 2018

"CAETÉS" mensagem do vereador Jocelino Ferreira a todas familias

 
  Quero abraçar a todas as pessoas do Município de Caetés, como forma de agradecimento pela oportunidade que me deram de fazer parte de suas vidas, enquanto legislador durante estes anos de 2017 e 2018. Vem aí um novo ano com novos desafios. Mas a confiança que tenho em Deus e a prioridade de minha missão como homem público, fortalecem a esperança causada por este momento mágico do Natal, que independente de ambições humanas, continuarei ajudando pessoas, defendendo melhorias coletivas, priorizando o bem estar da população, em primeiro lugar. Feliz Natal e próspero Ano Novo”, vereador Jocelino Ferreira e familia

sexta-feira, 16 de novembro de 2018

CAETÉS- Vereador Jocelino Ferreira questiona cobrança de IPTU feita pelo governo municipal

O vereador do município de Caetés, Jocelino Ferreira (PSB), vem questionando uma cobrança que está sendo realizada pela prefeitura daquela localidade. De acordo com as informações a municipalidade começou a cobrar dos cidadãos o IPTU (imposto de propriedade predial territorial urbano), referente aos anos de 2013, 2014, 2015, 2016, 2017 (em um só boleto) e o de 2018 em boleto individual.
O vereador diz que a cobrança é no mínimo incoerente e que vai acionar o Ministério Público nos próximos dias para que o órgão possa atuar em favor da coletividade. “Caetés nunca cobrou IPTU da população e agora de uma vez só, estão cobrando o valor de 05 anos consecutivos, mais o IPTU de 2018” disse Ferreira.
Em contato com o blog, o vereador que é líder da oposição na câmara e na cidade, disse que é dever do cidadão pagar seus tributos, desde que seja dentro da razão e proporção que a população possa pagar. “Tem gente que tá sendo cobrado por uma quantia absurda e não vai ter como pagar, cobrar 06 anos de IPTU em um ano só é inaceitável e abusivo” revelou.
Jocelino nos disse que nesses anos todos que é vereador, a prefeitura nunca notificou nem cobrou nada de ninguém. Entende que os prefeitos não podem abrir mão de receita, mas pondera que a cobrança é muito pesada para o povo.
Matéria do Blog do Welington Freitas

quarta-feira, 7 de novembro de 2018

PM apreende celulares, armas e drogas na cadeia de Capoeiras

Policiais do 9º BPM realizaram uma revista na manhã desta segunda-feira (5), na Cadeia Pública de Capoeiras no Agreste de Pernambuco.
Durante a ação foram apreendidos três celulares, quatro chunchos, três baterias de celular, dois carregadores de celular, cinco lâminas artesanais, um chip e um cartão de memoria além de crack e maconha.
Ainda foi apreendida uma quantia em dinheiro, um detento identificado como Ailton da Costa Silva, de 44 anos, assumiu ser o proprietário dos materiais ilícitos, ele foi levado para a Delegacia de Polícia Civil, onde foram adotadas as medidas cabíveis.

domingo, 4 de novembro de 2018

Família está a procura de um adolescente que desapareceu em Garanhuns no agreste Pernambucano

Um adolescente de nome, José Felipe, 16 anos, que reside na rua Pedro Alvarez Cabral, no Aluísio Pinto em Garanhuns. Desaparecido deste a manhã de ontem sábado, 03 de novembro de 2018, em Garanhuns no Agreste de Pernambuco. José Felipe, tem transtornos mentais e toma remédios de uso controlado. Ele foi visto pela última vez com um elemento desconhecido, no beco da facada próximo à feirinha da Boa Vista.
A genitora do mesmo registrou seu desaparecimento, no plantão da Delegacia regional.

ASCENÇÃO” – Caminho de Jocelino Ferreira deverá ser o da disputa pela prefeitura de Caetés

Vereador por seis mandatos – contando a da sua esposa e professora Claúdia – o caminho de Jocelino Ferreira (PSB) deverá ser mesmo a...